Saavedra Valentim

Manifestações da alma

Perfil
Sou uma pessoa em busca do meu eu verdadeiro. E, nessa busca, tenho experimentado momentos de êxtase e depressão, pois revirando o meu íntimo, quase sempre encontro lá coisas que podem me deprimir, me machucar. As manifestações poéticas e os meus ensaios, normalmente se tornam mais latentes nos momentos de delírios causados pela dor, que vem da alma. Podem crer é a dor que mais dói, que mais nos corroi e é quando produzo meus textos e poemas.
Quero esclarecer, que não me enquadro em nenhuma das escolas poéticas conhecidas(parnasianismo, romantismo, modernismo, etc.). Me sinto livre para escrever da forma como me vem o texto, permitindo-me apenas algumas correções, mais nada. O que escrevo é reflexo da transição entre meus momentos de lucidez plena e das loucuras momentânes! Os textos não tem a finalidade de agradar ninguém, pois, a maioria, nem a mim agrada, mas representam os meus momentos!
Site do Escritor criado por Recanto das Letras